About

Recuperando a matriz!

Se fosse pra eu apontar como "a pior" uma determinada etapa da serigrafia, seria esta o momento de desgravar as telitas. Como não gosto nada deste mau, porém nescessário momento e não tenho nenhum subordinado que o faça por mim, o mais sensato seria deixá-lo mais eficaz, fácil e breve possível.
Antigamente eu limpava as telas da pior maneira existente... Neste "saudoso" momento não haviam cursos de serigrafia aqui em Cwb e sem internet nos limitávamos aos poucos palpites de algum conhecido mais desinformado que a gente mesmo... Uma verdadeira tortura... Pra amolecer a emulsão deixava de molho na água sanitária... Então jogava uma água pra tirar o mais mole e ficava esfregando dos dois lados com panos embebidos em álcool de posto, que era chamado de álcool mesmo e nem imaginava o que era etanol...
Meu amigo, que tal ficava as vias respiratórias do pobre coitado!!! Socorro! Esse é o jeito que conheço pra fazer sem maquinário... Hoje eu só posso aconselhar que deixe que a máquina trabalhe por você!
Falando em serigrafia pequena ou artesanal o negócio mais fácil e barato é ter uma lavadora de alta pressão em mãos... Hoje em dia tem umas fraquinhas por um bom preço, e ainda dá pra aproveitar pra lavar o carro ou a calçada no fim de semana economizando um pouco de água...
Com um bom jato de alta pressão desgravamos do modo seguinte...
-Molham-se as telas que serão recuperadas...
-Passamos com uma esponja, trincha ou broxa o produto específico removedor dos dois lados da tela, para isso o mais viável depende da sua produção (sugiro o pasta ou gel daquela marca destaque no mercado, mas não quer saber de muito papo com nós pequenos) e deixamos agir por uns dez minutos, ou conforme o fabricante orienta... Importante é não deixar o produto secar na tela, ou endureçe ainda mais a camada...
-Daí é só mandar ver com a "vápe"... e tchau emulsão...
As emulsões com bicromato são um pouco mais difíceis de recuperar... Principalmente as que estão fazendo aniversário... Assim como as catalizadas, neste caso a maneira mais fácil de remover é com gasolina... Tipo, passa gasolina na tela e taca fogo!!!
Pode também depois da tela seca, passar um removedor de fantasmas (pasta alcalina) pra deixar o nylon encardido novinho de volta... Repetindo novamente a ação com a wap e importante... Não deixando nenhum resíduo do produto na tela, algumas pessoas neutralizam este produto passando vinagre na tela molhada, deixando agir uns minutos e depois lavando novamente...

Aproveitando a ocasião não posso deixar de aconselhar o seguinte... Por mais tentador que seja, não se habitue à revelar as suas matrizes usando a alta pressão, o correto é ela na hora da revelação sair sem muito esforço.
Se está com dificuldade de revelar à ponto de querer dar uma wapiada nela é porque algo no meio do caminho deu errado... Pode ser super exposição, ou seja, tempo demasiado na mesa de luz... Arte sem opacidade  suficiente... Emulsão velha ou termicamente endurecida...
 
Maquinários por mais simples que sejam, devem ser manuseados com cuidado e consciência, leia o manual nem que seja durante aquele seu momento de intimidade literária no trono de cerâmica!
Use EPI's, bota uma calça e calça uma bota.... Máscara, luvas e um protetor auricular que o ruido é grande... Ou então já vai aprendendo a se expressar em Libras...
Não molhe o aparelho nem sua fiação, dê uma pausa pra ele descansar de vez enquando... E muito importante pra sua maior durabilidade... Despressuríze-o depois de usar e desligar, é só apertar o gatilho pra soltar um "puf"... No bom sentido, já que você já fez o serviço sujo no troninho!

Agora quer sustentavelmente pensar pra frente? Então aproveita e pesquise aí no gúgol sobre unidade de recuperação de matriz e recirculação de água... Um pequeno investimento que é o futuro.

4 comentários:

Anônimo disse...

hahahahahe rachei com o "vai aprendendo libras"

Diego disse...

agua sanitaria e esfregar,pensei q eu era o unico.
ashuehauaeh

luynne disse...

Pow q massa.. vlw pela dica brother!!
Ah aproveitando pra fazer um pedido.. será q vc poderia falar um pouco sobre a técnica HIGH END?? vlw mermão.. obrigado!!

Yarru! disse...

Nunca ouvi falar! Pra mim também é novidade...

Bem, pelo que pesquisei na net High End é um termo do inglês que significa que o produto é de fino acabadamento, sofisticado e caro...
É usado para produtos de um modo geral, sonoros, tecnológicos, embalagens... e pelo jeito a modinha chegou pros vendedores de camisetas...
Abraços e boas estampadas!

 

Home | About Me | YouTubeChannel-1| YouTubeChannel-2 | EZine-Impregnantes | MySpaceTheCO2 | Twitter | Orkut | Facebook

Yarrru! Silk'n'roll © Design by Yarru | Publisher : Me